Translate

Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain tradução

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Dia 31 - Eterno Sacerdote - Visitas a Jesus Sacramentado e a Nossa Senhora

Na foto, elevação da Hóstia Consagrada, por Dom Fernando Rifan,
Bispo da Administração Apostólica São João Maria Vianney


Por Santo Afonso Maria de Ligório

Como era belo contemplar o Nosso amável Redentor no dia quem que, fatigado da viagem,o rosto radiante de graça e de ternura "se assentara à borda de um poço" (Jo 4,6), esperando a Samaritana para a converter e salvar. Pois, com essa mesma doçura, continuada dia por dia, o mesmo Jesus se conserva no meio de nós; descido do céu aos nossos altares, como a outras tantas fontes de graças, Ele espera as almas e as convida a Lhe fazerem companhia, ao menos por algum tempo, e isto a fim de atrai-las ao Seu perfeito amor. De todos os altares, onde está sacramentado, Jesus parecer dizer-nos: Homens, por que fugis da Minha Presença? Por que não vindes a Mim, não vos aproximais de Mim, que tanto vos amo e, para vosso bem, me conservo nesse estado de abatimento? Que temeis? Não é ainda como juiz que Eu vim ao mundo; neste sacramento e amor me ocultei unicamente para fazer bem e para salvar a quem quer que a Mim recorra: "Não vim para julgar o mundo, mas para salvá-lo" (Jo 12,47).

Compreendamos bem que, como Jesus Cristo, no céu, está sempre vivo para interceder em nosso favor (Hb 7,25), assim, no sacramento do altar, se ocupa sem cessar, dia e noite, em exercer em nosso favor o caridoso ofício de advogado, oferecendo-se como vítima ao Seu Eterno Pai para nos obter dele misericórdias e graças sem número.

Esta é a razão por que o piedoso Tomás de Kempis dizia que devemos aproximar-nos de Jesus no Santíssimo Sacramento e falar-lhe "sem apreensão nem constrangimento, como um amigo fala com seu amigo".

Visto que assim é, meu Rei e Senhor aqui oculto, permiti que Vos abra o meu coração cheio de confiança e Vos diga: Meu Jesus, terno amigo de nossas almas, eu conheço a ingratidão dos homens para conVosco. Vós os amais, e eles não Vos amam; Vós lhe fazeis bem e eles Vos desprezam; quereis que ouçam a Vossa voz, e eles não Vos escutam, Vós lhe ofereceis graças, e eles as rejeitam... Meu Jesus, e é verdade que eu mesmo me ajuntei outrora a esses ingratos para Vos ofender? Infelizmente é verdade; mas quero corrigir-me, quero durante os dias que me restam de vida, reparar as ofensas passadas, fazendo quanto possa para Vos agradar e satisfazer. Dizei, Senhor, o que quereis de mim; estou disposto a fazer tudo quanto me ordenastes; fazei-me conhecer a Vossa vontade por meio da santa obediência; espero executá-la fielmente. Meu Deus, estou decidido a fazer de agora para frente tudo que souber que Vos agrada, ainda que seja necessário perder tudo: parentes, amigos, honra, saúde e a própria vida. Perca-se tudo, contanto que fiqueis satisfeito.

Feliz é a perda, quando tudo se perde e tudo se sacrifica para contentar o Vosso Coração, Deus de minha alma" Amo-Vos, Bem supremo infinitamente mais amável do que todos os outros bens, e, amando-Vos, uno o meu pobre coração aos abrasados corações dos serafins, ao Coração de Maria, ao Coração de Jesus. Amo-Vos com toda a minha alma, e só a Vós quero amar sempre.

- Meu Deus, Meu Deus, eu sou Vosso, e Vós sois meu.

Na foto, Igreja da Ordem Terceira do Carmo, em Campos/RJ

TERNURA DE MÃE

Diz o bem-aventurado Amadeu que Maria, nossa Rainha Santíssima, "está continuamente diante de Deus, exercendo o ofício de advogada nossa e interpondo em nosso favor o poderoso crédito de Suas orações". Porque, ajunta ele, "vendo as nossas misérias e perigos, esta Senhora cheia de clemência não pode deixar de compadecer-se e nossos males e nos socorrer com uma ternura verdadeiramente maternal". Portanto, minha carinhosa Mãe, nesta hora mesma vedes as misérias da minha alma e os perigos que me cercam, e rogais por mim.

Rogai, sim, rogai, e não cessais de o fazer até que me vejais no céu para Vos render graças para sempre. Doce Virgem Maria, o piedoso Luís Blósio diz que, depois de Jesus sois a salvação segura daqueles que Vos servem fielmente. Pois bem, a graça que hoje Vos peço é a felicidade de ser até a morte Vosso servo fiel, a fim de que, ao sair deste mundo, vá bendizer-Vos no céu, seguro de nunca ser privado da Vossa presença, enquanto Deus for Deus.

-Maria, minha Mãe, fazei que eu Vos pertença sempre.

Fonte: Visitas a Jesus Sacramentado e a Nossa Senhora, de Santo Afonso Maria de Ligório

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...