Translate

Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain Spain tradução

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Abraça Jesus crucificado, amante e amado - Santa Catarina de Siena


 

"Querida irmã em Jesus. Eu, Catarina, serva dos servos de Jesus, escrevo-te no seu precioso sangue, desejosa que te alimentes do amor de Deus e que dele te nutras, como do seio de uma doce mãe. Ninguém, de facto, pode viver sem este leite!
Quem possui o amor de Deus, nele encontra tanta alegria que cada amargura se transforma em doçura e cada grande peso se torna leve. E isto não nos deve surpreender porque, vivendo na caridade, vive-se em Deus:
“Deus é amor; quem permanece no amor habita em Deus e Deus habita nele”.
Vivendo em Deus, por conseguinte, não se pode ter amargura alguma porque Deus é delícia, doçura e alegria infinita!
É esta a razão pela qual os amigos de Deus são sempre felizes! Mesmo se doentes, necessitados, aflitos, atribulados, perseguidos, nós estamos alegres.
Mesmo quando todas as línguas caluniosas nos metessem em má luz, não nos preocuparemos, mas nos alegraremos com tudo porque vivemos em Deus, nosso repouso, e saboreamos o leite do seu amor. Como a criança suga o leite do seio da mãe assim nós, inamorados de Deus, atingimos o amor de Jesus Crucificado, seguindo sempre as suas pegadas e caminhando com ele pelo caminho das humilhações, das penas e das injúrias.
Não procuramos a alegria se não em Jesus e fugimos de toda a glória que não seja aquela da cruz.
Abraça, portanto, Jesus Crucificado elevando a ele o olhar do teu desejo! Toma em consideração o seu amor ardente por ti, que levou Jesus a derramar sangue de todas as partes do seu corpo! 
Abraça Jesus Crucificado, amante e amado e nele encontrarás a verdadeira vida, porque ele é Deus que se fez homem. Que o teu coração e a tua alma ardam pelo fogo do amor do qual foi coberto Jesus cravado na cruz!
Tu deves, portanto, tornar-te amor, olhando para o amor de Deus, que tanto te amou, não porque te devesse obrigação alguma, mas por um puro dom, impelido somente pelo seu inefável amor.
Não terás outro desejo para além daquele de seguir Jesus! E, como que inebriada do Amor, não farás caso se te encontras só ou acompanhada: não te preocuparás com tantas coisas mas somente de encontrar Jesus e segui-lo!
Corre, Bartolomea, e não estejas a dormir, porque o tempo corre e não espera nem um momento!
Permanece no doce amor de Deus.
Doce Jesus, amor Jesus."
Das “Cartas” de Santa Catarina de Sena (1347-1380) (carta n.165 a Bartolomea, esposa de Salviato da Lucca)

FONTE: Site do Vaticano

sábado, 16 de junho de 2012

16 de Junho - Dia do Imaculado Coração da Virgem Maria


Maria não tinha pecado que expiar, nem original nem atual; não recebera de Deus, como Jesus, o fardo de nossas iniquidades, e por que foi então que sofreu tanto em sua vida, durante a qual teve incessantemente, diante dos olhos, o quadro da morte de seu Filho? E por que, principalmente, teve de suportar o martírio do Calvário?

É que o sofrimento é a lei do amor, e foi o amor de Maria que teceu o seu martírio, e porque amava mais do que todas as criaturas sofreu um martírio incomparável.

Outra razão de ser do sofrimento é que ele é a glorificação atual de Jesus Cristo em nós; padecendo, continuamos e completamos o seu sacrifício (cf. Cl 1,24). No caso de Maria, existe ainda o motivo de que a glória da maternidade deve ser conquistada pelo sofrimento. Ao dar à luz o seu Filho Imaculado, foi isenta desta lei, mas quando se tratou de tornar-se nossa Mãe e nos fazer nascer à vida da graça, teve de experimentar-lhe todo o rigor.

Quanto sofreu Jesus Cristo para nos regenerar! Maria sofrerá com Ele, imóvel ao pé da Cruz, partilhando em seu coração todos os tormentos da Paixão a fim de se tornar nossa Mãe adotiva.

***

Oh! quanto haveis de ser amados por Maria se servirdes bem ao seu Jesus! Quanto vos protegerá, se trabalhardes somente para a glória de Jesus! Quanto haverá de vos enobrecer, vendo que viveis unicamente do amor de Jesus! Torná-lA-eis assim duplamente Mãe, porque A colocais de um modo mais perfeito na sua graça e missão de Mãe dos adoradores de Jesus.

Sede porém modestos como a Santíssima Virgem; lembrai-vos de sua modéstia diante do Anjo e imaginai quão modestamente Ela servia seu Filho no Santíssimo Sacramento.

Sede puros como a vossa boa Mãe, que teria mesmo renunciado à glória da maternidade divina para conservar a flor de sua virgindade.

Sede humilde, a seu exemplo, pois se abismava no seu nada inteiramente entregue à graça de Deus. Sede amáveis e mansos visto que Maria era a suave expressão do coração de Jesus. Revesti-vos das virtudes e méritos da Santíssima Virgem quando fordes à Sagrada Mesa, e assim comungareis com a sua fé e o seu coração.

Oh! quão feliz sentir-se-á Jesus encontrando em vós a imagem e a reprodução de sua Mãe amabilíssima!

S. Pedro Julião Eymard, Flores da Eucaristia.

Fonte: Blog GRAA

Apresentação do blog

Viva Cristo Rei!
Salve Maria Imaculada!

Iniciamos hoje este humilde blog, onde tentaremos colocar os escritos dos Santos que encontramos em nosso caminho, com o fim de ajudar o maior número de pessoas possível na vida espiritual. Eventualmente, podemos colocar outros textos.
Desde já, submetemos tudo o que aqui for publicado ao Magistério da Santa Igreja Católica Apostólica e Romana, Mãe e Mestra, a Esposa Imaculada do Cordeiro, da qual queremos morrer filhos fiéis. E se alguma coisa aqui estiver contra o seu divino ensinamento, que é o ensinamento de Nosso Senhor Jesus Cristo, digamos logo que isso seria por ignorância nossa, e nunca por má vontade.

Dedicamos e consagramos este pobre blog aos Sacratíssimos Corações de Jesus, Maria e José!

"Gesù Dolce, Gesù Amore!" (Santa Catarina de Siena)
Ocorreu um erro neste gadget
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...